terça-feira, 14 de abril de 2009

Orgulho

O orgulho fere, devora, transforma
O orgulho se mete, derruba, não vai embora
Ele machuca, perpetua, petrifica
Ele arde, dói, se intensifica

Provoca males, insonias, cansaço
Causa brigas, discórdia, deslaços.
Ele vem, corrói e destrói
Não vai, se desvai e dói

Ao contrário do amor que une corações
O orgulho existe pra provocar descepções
O orgulho é por vezes mau sentido, mau amado
O amor em outro ritmo é querido e muito raro

O orgulho se manifesta em muitas orações
O amor se manisfesta quando ouvimos seus perdões
O orgulho está presente em todas as passagens
O amor está disperso, perdido em miragens


Halline Teixeira

2 Comments:

  1. Anônimo said...
    Concordo plenamente !!!
    Anônimo said...
    Ha, tbm concordo com isso!
    Amo vc minina!
    Tamy

Post a Comment